Bungy Jump em Queenstown? Conheça o primeiro do mundo!

Queenstown é conhecida como a capital dos esportes radicais. De fato a simpática cidade da Ilha Sul da Nova Zelândia oferece uma série de atividades para quem curte adrenalina, ente elas alguns dos bungy-jumps mais interessantes do país. É lá também que está o primeiro bungy jump do mundo. Por isso, não pudemos deixar de conhecer o Kawarau Bridge Bungy Jump, que apesar de ficar fora da cidade é facilmente acessado, além de contar com transporte próprio para o mais famosos bungy jump em Queenstown.

Como estávamos de carro fomos por conta própria, usando os aplicativos de localização do celular conectados pelo chip internacional do Mysimtravel. De qualquer maneira o acesso é fácil e como já dito, o próprio Kawarau Bridge Bungy Jump oferece transporte desde Queenstown para quem não estiver de carro. Hoje o primeiro bungy jump do mundo abriga um complexo que além de um dos mais famosos bungy jump em Queenstown, ainda oferece tirolesa, mirantes e um complexo com loja e lanchonete.

primeiro-bungy-jump-do-mundo

Casa dos pioneiros saltadores AJ Hackett e Henry Van Asch, foi nessa famosa ponte sobre o lindíssimo rio Kawarau que em 1988 foi criado o primeiro bungy jump comercial do mundo. Até hoje é um dos mais procurados do mundo e considerado uma tradição para os caçadores de aventura. Com 43 metros de altura oferece a oportunidade do saltador fazer o toque com a água. Depois do salto ele é resgatado por um bote inflável e retorna ao ponto de saída subindo uma escada.

A idade mínima para saltar é de 10 anos, sendo que menores precisam estar acompanhados de responsável. O peso mínimo é de 35kg e o máximo de 235kg. O transporte incluído no valor do salto  está disponível à partir do Station Building, na esquina das ruas Camp e Shotover, no centro da cidade de Queenstown, a partir das 08h40. É preciso chegar 30 minutos antes do horário agendado para o salto (clique no link para fazer o agendamento). O valor do salto para adulto é de $205, para crianças custa $155. Um dado curioso é que nas instruções para o salto, no quesito vestimenta, além de dizer que pode pular com qualquer roupa, o famoso bungy jump em Queenstown fala até que é possível saltar pelado.

bungy-jump-queenstown

Não tive coragem de enfrentar essa aventura, mas até mesmo para quem (assim como eu) não irá saltar, vale visitar o Kawarau Bridge Bungy Jump. Além de poder andar na histórica ponte e chegar bem próximo ao ponto de salto, algumas plataformas de observação garantem uma vista linda do local, além de poder acompanhar e se divertir vendo os saltos dos outros. Vale o passeio de qualquer forma.

Nossa viagem para Queenstown contou com o apoio do Turismo da Nova Zelândia e do chip internacional Mysimtravel.